segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Os sentimentos de um Apóstolo

Ola amados!Paz do Senhor! Bom, depois de um weekend abençoado ca estou eu escrevendo no blog. Lendo a Palavra neste tempo, encontrei uma pérola de Deus que quero compartilhar com vocês. Me veio até o tema do post quando pensava. É costume meu, quando encontro algo na Palavra, compartilhar com as pessoas que querem aprender mais do Papai. é tão legal isso, vocês num tem noção. Ou talvez tenham ne..bom..aew vamo nós!!


"Porque zelo por vós com zelo de Deus; visto que vos tenho preparado para vos apresentar como virgem pura a um só esposo, que é Cristo;" II Co 11:2.

O Apóstolo Paulo teve sua conversão de forma bem diferente. Jesus simplismente apareceu a ele  e lhe mostrou o que convinha fazer; la na frente diz o Senhor a Ananias que havia escolhido Paulo como instrumento para pregar aos gentios. Que coisa tremenda de Deus. So mesmo o Senhor para fazer isso!! Paulo recebe as instruções, e em Gl 1:17 diz que foi pra uma região" no deserto";creio que la  ele aprendeu com o Senhor o que deveria aprender. Desenvolveu de fato sua salvação no temor e no tremor de Deus; aprendeu na intimidade com o Pai o amor tão grande e o zelo para com os filhos de Deus.
Os versículos acima demostram esse amor de fato e de verdade. Paulo conheceu os mistérios de Deus, teve revelações gloriosas dos céus, e por essas e tantas outras foi-lhe posto um espinho na carne,para que ele não viesse a SER o tal. Mesmo com tantas revelações, vejo nestes versículos que a única coisa que lhe fazia estar ca nesta terra era apresentar os discípulos como "virgem pura" ao noivo Jesus. Parece até soar como algo simples demais para um apóstolo, mas de fato o Reino anunciado por Jesus consiste em coisas simples! O zelo de Deus, simples por sinal, o consumia! Segundo o dicionario Michaelis-UOL, "zelo é dedicação ardente; desvelo, cuidado, diligência,Ciúmes. "Que coisa bela isso!! Os ciúmes de Paulo eram pela própria noiva do SEnhor, toda a sua dedicação aqui em baixo era para, nada mais nada menos, pessoas,e  apresentar um povo transformado, cheio do Espírito, para o Senhor da glória.Não era para desfrutar das finas iguais daqui, ou para enfatizar o quanto ele era abençoado,nada disso.
Assim como Paulo,Os sentimentos de um apóstolo consumido pelo zelo de Deus leva líderes a se preocuparem realmente com o povo-e-sua-salvação e a preparar as pessoas para apresenta-las ao Senhor como noiva virgem, e não toda bagunçada!! " Paulo não queria o dinheiro dessas pessoas. E evitava se tornar um fardo para elas( 2 Ts 3:8)"
.A Grande Comissão de Jesus em Mateus 28 diz que além de ir e pregar é mister também que ENSINE o povo a guardar todas as coisas; e hoje, infelizmente, temos visto um povo que em vez de guardar os simples ensinos dos Evangelhos e das cartas, quer cada vez mais coisas novas, entretenimentos novos, visões novas, estratégias novas. Isso não é o suficiente meus caros!! Só aqueles que permanecem nas palavras do Senhor e que podem ser seus discipulos. Só líderes e servos consumidos por esses sentimentos é que farão isso!!
Muitas coisas que Paulo ensinou, inspirado pelo Espírito, foram esquecidas! A cultura brasileira tem a facilidade de fazer com que as coisas caiam no esquecimento rapidamente. Mas nós devemos ser levados a cada instante, pelo Senhor, a trazer a nossa mente esses sentimentos e nos movermos a fazer o que Paulo diz neste verso.
O alvo do  ministério de Paulo se resume neste verso, e aqui encerro por hoje: "a fim de que seja o vosso coração confirmado em santidade, isento de culpa, na presença de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus, com todos os seus santos. " I Ts 3:13


Clamemos por apóstolos assim!!  Clamemos por uma igreja que se importe mais com vidas e menos com as coisas!!

Um comentário:

Tomai e Comei: Aqui nasce um novo reino. disse...

Está escrito: "Qualquer um de vós, se não renunciar a tudo o que possui, não pode ser meu discípulo." E também: "Todo aquele que crê em mim, fará as obras que eu faço e ainda maiores".
Quando ressurgir um só discípulo, ele carrega em si o poder de destruir esta pirâmide, que é uma casa construída sobre a areia. Não dá para louvar o verdadeiro Deus sem primeiro abandonar a casa de satanás e ela é a pirâmide, cujo verdadeiro Deus é o dinheiro. A oposição a esta pirâmide é a sociedade dos primeiros cristãos. Se queremos formar um povo de Deus, uma nova nação, temos de nos inspirar na sociedade dos primeiros cristãos, conforme atos cap 2 e 4. Esta é a base do cristianismo e esta é a pedra angular que foi rejeitada. Não adianta continuar construindo sobre uma casa que está torta em seu fundamento.